Teste: Panerai Luminor 1950 3 Days GMT

Escrito por , 11/09/2014 em Panerai, Testes com 1 Comentário

Panerai_Luminor_3Day_LGO Panerai Luminor 1950 3 Days GMT, inspirado em um antigo relógio usado pela marinha italiana, apresenta o movimento P.9001 desenvolvido inteiramente pela marca. O parceiro internacional do WatchTime Brasil, Jens Koch testou este relógio e apresenta todas as suas impressões. As ilustrações ficam a cargo do renomado foto designer Nik Schölzel.

A família do calibre P.900 teve sua estreia em 2009 e foi a segunda linha de movimentos desenvolvidos pela Panerai. Apesar de apresentar menor reserva de marcha (três ao invés de oito dias), o movimento oferece a vantagem da corda automática com um custo significativamente menor do que seus antecessores da família P.2000. O calibre P.2003, por exemplo, possui 10 dias de reserva de energia, porém, o Panerai Luminor 1950 10 Days GMT (Referência PAM00270) – relógio possuidor do mecanismo – é quase duas vezes mais caro do que o testado aqui, o Luminor 1950 3 Days GMT.

Apesar do seu valor menor, o 3 Days GMT apresenta quase todas as funções do 10 Days GMT: um segundo fuso horário (sem mostrar a indicação de dia e noite para o ponteiro de 12 horas), um display de reserva de marcha (localizado na traseira e de forma linear ao invés de estar no mostrador frontal) e um mecanismo que possibilita o retorno do ponteiro dos segundos ao ponto zero. Além do calibre P.9001, que alimenta o relógio que estamos testando, a família inclui o P.9000, um movimento de funções básicas, no qual não exibe o segundo fuso horário ou a reserva de energia e ainda o P.9002, com o indicador de reserva de marcha na frente do dial.

As características típicas da marca, que mesclam a qualidade do modo de produção suíço e design Italiano, ficam claras no relógio que inclui uma caixa em formato almofadado envolta por um bisel em aço polido, um protetor de coroa, marca registrada da relojoaria, e um mostrador decorado com grandes números arábicos. O relógio 3 Days GMT é uma fiel interpretação do original lançado em 1950 para mergulhadores da marinha Italiana, mas também não se distancia dos outros modelos da Panerai. A semelhança familiar inconfundível dos modelos é uma força e uma fraqueza da marca: se você não gosta do design, provavelmente nenhum outro modelo da marca irá te agradar. Por outro lado, cada relógio Panerai é imediatamente reconhecível para os fãs da marca. E, a julgar pelo poder de permanência do design retrô da Panerai, o Luminor 3 Days será tão atraente para os colecionares daqui a 10 anos quanto é hoje. O mesmo não pode ser dito para outros modelos atuais de outras marcas.

O mostrador do relógio tem visual sóbrio e os indicadores de horas brilham intensamente no escuro.

O mostrador  tem visual sóbrio e os indicadores de horas brilham  intensamente no escuro.

Além disso, o Luminor 3 Days GMT se destaca em vários detalhes que o distinguem de outros relógios Panerai. A cor das letras no mostrador da data não é branco puro, mas sim um tom de areia. Outro detalhe que observamos foi a falta da lente de aumento colocada normalmente acima da janela da data, uma característica recorrente de alguns outros modelos da Panerai. Embora este relógio apresente uma variedade de funções, a sua leitura é simples: o ponteiro para os segundo fuso horários pode ser escondido sob o ponteiro das horas e a exibição da reserva de marcha fica fora da vista, na parte de trás da caixa do relógio. A safira que cobre os mostradores da Panerai normalmente possuem alto grau de curvatura, um diferencial neste modelo, já que sua curvatura é mais rasa. Um dos detalhes que apreciamos neste modelo.

O mostrador no estilo “sanduíche”, outra marca Panerai, continua elegante como sempre, com uma camada interna de Super-LumiNova revestido por um preto fosco que deixa à mostra as aberturas dos indicadores de horas; o que lhe rende maior profundidade e o mantém fiel aos seus antecessores históricos, isso garante um relógio muito legível no escuro. O ponteiro de horas, do segundo fuso horário e o dos segundos também são revestidos com material luminoso. A leitura do tempo também é fácil à luz do dia, embora a falta de um arco de indicação dos minutos signifique que nem sempre a leitura das horas possa ser tão precisa quanto se possa desejar. Já o mostrador da reserva de marcha, localizado no verso do relógio, usa um disco que muda de cor de preto para vermelho, indicando a pouca energia.

Com um exame mais minucioso percebemos que partículas de pó grudaram nos ponteiros, provavelmente no momento no polimento os resíduos escorregaram em direção ao orifício localizado no centro do mostrador. Há também um acabamento não tão perfeito em cima dos encaixes das pulseiras.

Em todos os aspectos, no entanto, a caixa recebeu um excelente polimento. O relógio também marca pontos positivos pelo seu sistema de troca rápida de pulseiras. Uma ferramenta especial, fornecida junto com o relógio, pode ser usada para pressionar um botão na parte inferior de cada encaixe, tornando mais fácil a troca de pulseira de couro com a de borracha – também incluída no kit.

A caixa segue a mesma técnica de construção dos cascos do navios, feita por meio de arcos entrelaçados

A caixa segue técnica de construção dos cascos do navios feita por meio de arcos entrelaçados

A pulseira em couro de crocodilo com as bordas costuradas a maquina é muito bem feita. As fivelas remetem a um antigo abridor de garrafas. Algumas arestas ficam aparentes apenas se olhadas com lupa, mas é impossível de notar com o relógio no pulso.

Em suma, apesar do grande tamanho do mostrador de 44 milímetros de diâmetro e os encaixes não possuírem curvatura acentuada o Panerai Luminor 1950 3 Days GMT é bastante confortável de usar. Esta falta de curvatura faz com que o relógio tenha a grande tendência a escorregar para trás e para frente ao longo o pulso. Felizmente, as nossas preocupações de que o protetor de poderia incomodar a parte de trás do pulso foram descartadas.

A alavanca basculante do protetor de coroa, também não impede o funcionamento normal do relógio. Ela pode ser aberta rapidamente e é de fácil manuseio até mesmo quando o relógio está preso ao pulso. Por meio desta alavanca fica fácil a alteração dos fusos horários – um recurso muito prático para aqueles que viajam com freqüência. A exibição da data é feita por meio de salto de algarismos para frente ou para trás, isso possibilita o fácil ajuste apesar da ausência de um verdadeiro mecanismo para este fim.

Quando você puxa a coroa para a terceira posição, o ponteiro de pequenos segundos, localizado às 9 horas, zera, o seu mecanismo pára de oscilar, e as horas e os minutos podem ser reiniciados. Após este procedimento você pode voltar alavanca à sua posição de segurança. O retorno faz o ponteiro retomar o movimento da mesma forma que a função de retorno ao zero em um cronógrafo acontece, ele é acionado por uma alavanca no interior do movimento, sob um mecanismo central montado para o ponteiro dos segundos.

Astucia da engenharia: calibre P.9001 de alta tecnologia e exibição de reserva de marcha

Astucia da engenharia: calibre P.9001 de alta tecnologia e exibição de reserva de marcha

O calibre P.9001 fica visível através do cristal de safira embutido no verso da caixa. Embora o rotor seja esqueletizado, muito do funcionamento interno do movimento fica oculto por conta da grande placa que cobre todo o mecanismo. Com um olhar mais atento ao movimento é possível apreciar uma abertura em forma de foice que deixa visível o escapamento do mecanismo. Através de uma segunda abertura se vê as engrenagens do mecanismo da corda automática. O visor também inclui a exibição de reserva de marcha: a cor vermelha preenche a abertura indicando que o fornecimento de energia está reduzido para um nível crítico. O rotor, placa e toda borda do verso da caixa foram decorados criando uma aparência atraente e técnica que combinam com o design global deste relógio.

O rotor bidirecional usa esferas de cerâmica de baixo desgaste. Ele fornece energia para o movimento, que (como seu nome já indica) acumula energia suficiente para manter o relógio funcionando por 72 horas. Um total de 227 componentes – incluindo 29 rubis para a redução de atrito – compreendem o movimento. Quatro parafusos determinam o ajuste fino do equilíbrio. Até poucos anos, esse detalhe era um privilégio apenas relógios do alto escalão da relojoaria fina.

Nosso teste revelou que a Panerai tem feito um bom trabalho no ajuste da precisão dos movimentos. Embora tenha ganhado oito segundo no pulso, o seu ganho médio na máquina de teste era de apenas 3,7 segundos. Este desvio maior entre as diferentes posições (cinco segundos) é bastante aceitável. A amplitude manteve-se elevada em todas as posições.

Para um relógio com um movimento de fabricação própria, o preço é razoável, apenas um pouco mais caro do que os modelos anteriores que continham os movimentos ETA. Poucos relógios nesta faixa de preço e que ainda apresentam movimentos “in-house” oferecem uma gama de funções comparáveis.

O fecho da pulseira do Luminor se destaca pelo seu tamanho

O fecho da pulseira do Luminor se destaca por seu tamanho

Prós
+ Design retrô
+ Movimento de fabricação própria
+ Retorno dos segundos ao zero via movimento da coroa

Contras
- Sem escala de minutos
- Pequenas falhas no acabamento

Especificações:
Fabricante: Officine Panerai, Rue de la Balance 4, CH-2000 Neuchâtel, Suíça
Número de Referência: PAM 00320
Funções: horas, minutos, segundos, data, segundo fuso horário; exibição de reserva de marcha na parte traseira; função de retorno de segundos ao zero
Movimento: P.9001, automático; 28.800 VPH; 29 rubis; Absorção de choque incabloc; Equilíbrio Glucydur; ajuste fino através de parafusos de peso; Reserva de energia de 72 horas;
Diâmetro = 31,8 milímetros; altura = 7,9 milímetros
Caixa: aço inoxidável, cristal de safira abaloado com tratamento anti-reflexo de 2,6 mm de espessura, verso da caixa totalmente rosqueado com painel transparente de safira, resistente à água até 300 metros
Pulseira e fecho: pulseira em couro de crocodilo, fivela de aço inoxidável

Resultados de Precisão:
(Desvios em segundos por 24 horas)
Dial para cima: +6
Dial para baixo: +6
Coroa para cima: +1
Coroa para baixo: +2
Coroa para a esquerda: +4
Coroa para a direita: +3
Maior taxa de desvio: 5
Média de desvio: +3.7
Amplitude média:
Posições horizontais: 331°
Posições verticais: 291°

Preço: R$ 30.700

Pontuação:
Pulseira e fecho (máximo 10 pontos): 9
Operação (5): 5
Caixa (10): 8
Design (15): 14
Legibilidade (5): 4
O conforto de uso (10): 7
Movimento (20): 15
Resultados de precisão (10): 8
Valor geral (15): 12

TOTAL: 82 pontos

 
 

Tags: Panerai Luminor 1950 10 Days GMTPanerai Luminor 1950 3 Days GMT

Compartilhar artigo:
 
 

Relógios relacionados


Ferrari - Engineered by Officine Panerai
Scuderia

Ferrari - Engineered by Officine Panerai
8 Days Chrono Monopulsante GMT

Ferrari - Engineered by Officine Panerai
Ferrari Chronograph 45 red

Ferrari - Engineered by Officine Panerai
Ferrari Chronograph 45 Rattrap...

Ferrari - Engineered by Officine Panerai
Ferrari Chronograph 45 yellow

Ferrari - Engineered by Officine Panerai
Granturismo 8 Days GMT

Ferrari - Engineered by Officine Panerai
Officine Panerai Ferrari Chron...

Ferrari - Engineered by Officine Panerai
Scuderia Rattrapante

 
 

Newsletter

Cadastre-se aqui e receba uma vez por semana gratuitamente a newsletter do WatchTime Brasil com as melhores notícias, avaliações, recursos e atualizações sobre relógios diretamente da equipe WatchTime Brasil.

Siga o WatchTime Brasil

Assinar via Feed RSS Seguir no Instagram Seguir no Pinterest Seguir no Google Plus Participar do nosso grupo no LinkedIn Seguir no YouTube

1 Comentário

URL Trackback RSS Feed Comentários

  1. FERNANDO GIANNOTTA disse:

    CAROS, VOCÊS PODEM ME TIRAR UMA DÚVIDA, TEM UM AMIGO QUE ESTÁ QUERENDO ME VENDER UM LUMINOR MARINA DE TITANIUM, MAS ESTOU INTRIGADO POIS NA TAMPA INFERIOR DIZ
    STAINLESS STELL, NÃO DEVERIA SER TITANIUM???

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Deixe um comentário pelo Facebook

Comentário(s) no Facebook