Grand Seiko ganha mais independência em 2017

Escrito por , 31/03/2017 em Grand Seiko, Notícias, Seiko com 1 Comentário

Uma das grandes mudanças nas gestões de marcas durante a Baselworld deste ano ficou por conta da Seiko, que anunciou que deixará sua marca de luxo Grand Seiko operar de maneira independente. O fato ocorre sete anos depois do anúncio de lançamento global da marca. Esta movimentação deverá ter um grande impacto em como a coleção será desenvolvida, anunciada e distribuída a partir de então. Já para o consumidor final, isto significa que o display dos dois logos no mostrador (Grand Seiko na parte inferior e Seiko na superior) acaba de virar algo do passado: a partir de agora, apenas “Grand Seiko” será visto na parte superior do dial.

GS_Embargo_Hist_Ed-600x246

Além disso, a marca passa a oferecer uma garantia global de três anos (com início em 24 de março) e virá com uma embalagem que refletirá melhor o posicionamento das coleções como vindos de uma marca premium.

Modelo Grand Seiko apresentado em 2016, com o logo Grand Seiko na posição de 6 horas

Modelo Grand Seiko apresentado em 2016, com o logo Grand Seiko na posição de 6 horas

De maneira mais importante, claro, Grand Seiko também apresenta uma série de relógios que acompanham o anúncio. Todos eles devem estar disponíveis já em abril deste ano nos revendedores oficial da Grand Seiko (que não conta com atuação no Brasil).

Isto inclui três edições limitadas baseadas no design do primeiro modelo de corda manual Grand Seiko apresentado nos anos 1960, equipado com o calibre 9S64. Na imagem acima, é possível viaulizar os três modelos em edição limitada: 136 em platina (€ 35 mil), 353 em ouro 18 quilates (€ 19.700) e 1.960 em aço (€ 6.500) com o tradicional medalhão de ouro no verso da caixa.

Grand Seiko de 2017: nome da marca ganha destaque

Grand Seiko de 2017: nome da marca ganha destaque

Grand Seiko também produzirá uma versão maior inspirada no primeiro modelo de 1960 (que sai por € 8 mil), limitado a 968 unidades e previsão de chegada ao mercado em junho. Ele é equipado com um movimento mais largo, novo, que fornece 72 horas de reserva de energia (calibre 9S68). Ele também é o primeiro relógio com uma caixa de “titânio duro e brilhante”, um novo metal exclusivo da companhia que oferece coloração similar ao aço, com as propriedades do titânio.

www.grand-seiko.com
www.seiko.com.br

 
 

Tags: Baselworld 2017

Compartilhar artigo:
 
 

Relógios relacionados


Seiko
Sportura FC Barcelona Chronogr...

Seiko
Sports Automatic

Seiko
Seiko Automatik

Seiko
Ananta Multi-hand Automatic

Seiko
Seiko Prospex Marinemaster Pro...

Seiko
Automatic Men´s Watch

Seiko
Alarmchronograph

Seiko
Premier Kinetic Perpetual

 
 

Newsletter

Cadastre-se aqui e receba uma vez por semana gratuitamente a newsletter do WatchTime Brasil com as melhores notícias, avaliações, recursos e atualizações sobre relógios diretamente da equipe WatchTime Brasil.

Siga o WatchTime Brasil

Assinar via Feed RSS Seguir no Instagram Seguir no Pinterest Seguir no Google Plus Participar do nosso grupo no LinkedIn Seguir no YouTube

1 Comentário

URL Trackback RSS Feed Comentários

  1. Jarlan Barroso Botelho disse:

    A Seiko produz relógios fantásticos, de enorme qualidade e precisão, em todas as suas faixas de preço, mas que no Brasil não possuem o mesmo prestígio que a Seiko tem em outros países. Esse fato dificulta (ou torna totalmente inviável) a tentativa de vender os excelentes e belíssimos modelos da Grand Seiko aqui no Brasil, especialmente em virtude dos preços altos, até mesmo em relação a marcas de luxo Suíças que são comercializadas no País. Não deixa de ser uma pena, pois para quem aprecia relógios mecânicos produzidos com a mais apurada técnica e precisão, tem nesses relógios uma peça de referência.
    Jarlan Botelho

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Deixe um comentário pelo Facebook

Comentário(s) no Facebook