10 turbilhões que marcaram 2016 nas grandes feiras do setor

Os turbilhões são praticamente uma marca registrada de cada relojoaria. A complicação, que tem por intenção anular os efeitos da gravidade sobre o movimento de um relógio, está presente na coleção da maior parte das relojoarias. A cada ano, as marcas tentam inovar cada vez mais e apresentam novas peças, com novas funções e até mesmo maior efetividade do turbilhão. Selecionamos, abaixo, 10 modelos apresentados por 10 relojoarias diferentes durante a maior feira de relojoaria e joalheria do mundo, a Baselworld, que acontece anualmente em meados de março, na cidade de Basileia, na Suíça.

Da marca recém-relançada Angelus, o modelo Angelus U30 Tourbillon Rattrapante não apresenta apenas um turbilhão de grandes proporções, com rotação de um minuto, mas também um cronógrafo com dupla roda de coluna e função rattrapante. A peça também apresenta um indicador de reserva de energia. Com corda automática, o movimento que equipa o relógio foi altamente esqueletizado para apresentar ao máximo suas engrenagens e peças (15 das engrenagens visíveis pelo lado do mostrador). A gaiola do turbilhão, posicionada às 10 horas, é elaborada por matérias não-magnéticos e ocupa praticamente um quarto do mostrador. A roda de coluna que ativa a função rattrapante é visível no dial às 4 horas, enquanto a segunda é visível pelo verso do dial. A posição de 8 horas apresenta o indicador de reserva de energia de 45 horas.

Angelus_U30_Tourbillon_Rattrapante_1000-570x815

A relojoaria especializada em modelos esqueletizados, Armin Strom, apresentou sua mais nova coleção, chamada Tourbillon Skeleton. Armin Strom Tourbillon Skeleton Earth possui o movimento ATC11-S, que está totalmente visível pelo mostrador. Tanto a caixa, quanto a placa principal contam com revestimento em PVD preto. São 10 dias de reserva de energia e o turbilhão visível às 9 horas. Leia aqui o material completo sobre o relógio.

Armin_Strom_Tourbillon_Skeleton_Earth_front_1000-570x934

A Bovet adicionou à sua coleção de modelos de alta complicação Recital um relógio espetacular em sua complexidade. Chamado Bovet Récital 18 combina um turbilhão, uma função de hora mundial hemisférica com fuso selecionável, um indicador compacto de 24 cidades, um indicador de fases da lua para os hemisférios Norte e Sul e indicação de horas de maneira digital saltante e ponteiro de minutos retrógrado. Os dados são entregues pelo movimento de corda manual 17DM01-HU com um escapamento proprietário Bovet. O turbilhão possui um ponteiro de segundos com ponta tripla posicionado sob ele, de maneira pouco convencional, e pode ser visualizado pelo verso da caixa. Toda a superfície do movimento é coberta com uma temática estrelada. Pelo verso o usuário pode conferir ainda detalhes decorados, assim como a gaiola e as pontes do turbilhão, trabalhadas à mão. A construção do movimento requer um cristal bastante abaloado e curvo, assim como a caixa, que é mais espessa perto das 12 horas e mais fina às 6 horas. Você pode ler todos os detalhes do relógio no material completo aqui.

Bovet Récital 18 – The Shooting Star R18_White Background

O relógio Breguet Tradition Minute Repeater Tourbillon, uma das apresentações mais importantes da Breguet durante a Baselworld deste ano, possui uma grande variedade de características que o torna diferente e melhor do que outros repetidores de minutos, afirma a companhia. Entre os destaques está o novo formato dos gongos, com um perfil retangular e não redondo, e o fato de os martelos o acertarem na vertical e não na horizontal, como modelos comuns. O turbilhão, apresentado às 6 horas, é extra-fino, como apresentado em um modelo da companhia de 2014. Leia detalhes sobre o relógio aqui.

Bregeut_Tradition_Repetition_Minutes_Tourbillon_7087_Soldier_1000-570x802

Cartier Rotonde de Cartier Astromystérieux é chamado pela companhia como “um marco e uma engenhosa interpretação do turbilhão”. Este é o terceiro relógio “misterioso” de pulso da companhia. Nesta versão, as horas e os minutos parecem flutuar no centro do mostrador, que possui uma abertura de 25,7 mm. Junto com os ponteiros, o escapamento, a roda de ajuste, o trem de engrenagens e o barrilete de energia estão organizados em um eixo central. A parte misteriosa consiste em quatro discos de safira fabricados pela própria companhia: um para horas, um para o turbilhão, um para corda e um fixo. Em turbilhões convencionais, o escapamento e a roda de ajuste estão abrigados por uma gaiola. Aqui os discos fazem a substituição dela. O relógio conta com uma caixa de paládio com 43,5 mm de diâmetro e 12 mm de espessura. Apenas 100 unidades do relógio serão produzidas. Leia o texto sobre o relógio e assista a um vídeo clicando aqui.

Cartier_Astromysterieux_front_1000-570x870

No ano em que completa seus 225 anos, a relojoaria Girard-Perregaux apresentou diversos novos relógios, mas uma das estrelas desta festa é La Esmeralda Tourbillon. O lançamento foi baseado em um modelo de arquivo da companhia: um relógio de bolso com turbilhão e certificação cronométrica e movimento montado sobre três pontes. Apesar de o novo modelo não ser um relógio de bolso, sua caixa foi construída para imitar a peça de diversas camadas original, que foi articulada com coberturas frontal e traseira, além de uma segunda cobertura que protegeria as pontes. A caixa do novo modelo pega referências do modelo original, com um bisel arredondado e um anel no verso da caixa que, discretamente, sobrepõe a porção central da caixa, como uma forma de referenciar as camadas do modelo original. O movimento turbilhão Girard-Perregaux com três pontes é o mais antigo calibre ainda em produção, uma vez que seu layout original não sofreu qualquer alteração desde que foi apresentado, no ano de 1860. As três pontes incluem uma ponte para o barrilete, uma para o trem de engrenagens e uma para o turbilhão, todas feitas em ouro maciço. São 27 versões do movimento registradas no Observatório de Neuchâtel pela companhia, entre os anos de 1865 e 1911. Leia todos os detalhes aqui.

GP_LD_LaEsmeralda2016_T-570x928

O sétimo relógio da série Histoire de Tourbillon, da Harry Winston, uma coleção que explora as variações do turbilhão apresenta, na verdade, dois turbilhões. Harry Winston Histoire de Tourbillon 7 apresenta, na porção direita do mostrador, a indicação de horas e minutos em um sudial em formato piramidal. Sob ele, a indicação de reserva de energia é apresentada em um rolo. Do lado esquerdo, dois turbilhões biaxiais se movimentam em harmonia. O primeiro deles realiza uma rotação a cada 30 segundos, enquanto o outro gira uma vez a cada 75 segundos. Os turbilhões são regulados para uma precisão otimizada por meio de um diferencial esférico que os conecta e tira a média de sua velocidade de rotação. São 50 mm de diâmetro de caixa elaborada em ouro branco e limitação de 20 unidades.

Harry_Winston_Histoire_de_Tourbillon_7_1000-570x768

O ano de 2016 marcou os 85 anos do lançamento do modelo Reverso, da Jaeger-LeCoultre e a companhia apresentou uma diversidade de modelos da linha. O mais técnico deles é Jaeger-LeCoultre Reverso Tribute Gyrotourbillon com caixa de platina e mostrador aberto limitado a 75 unidades. Ele é equipado com uma nova versão do turbilhão biaxial da companhia, que é mais fino do que os modelos anteriores. Ele parece flutuar no mostrador, mas é controlado por um mecanismo externo. São duas gaiolas do turbilhão, uma gira a cada minuto e a outra completa uma volta a cada 12,6 segundos.

jaeger-lecoultre_reverso_tribute_gyrotourbillon

Em 135 anos de história, que incluem um longo período na tradição de criação de movimentos mecânicos, a Seiko nunca havia produzido um modelo com turbilhão até então. Credor Fugaki Tourbillon Limited Edition conta com o calibre 6830, um movimento ultrafino, com menos de 4 mm de espessura. O relógio em si é altamente decorado, uma forma de apresentar o conhecimento dos artesãos da companhia. O motivo foi inspirado nas artes de Katsushika Hokusai, particularmente em sua obra “36 visões do monte Fuji”, que inclui a famosa pintura “A grande onda de Kanagawa”. O mostrador é dominado por uma onda de ouro 18 quilates gravada a mão com 1,6 mm, que parece sair do turbilhão, que está posicionado às 9 horas. O nome “Fugaki” é uma palavra japonesa usada para descrever o monte Fuji, que é representado pela ponte que sustenta o ajuste. A caixa de 43 mm de diâmetro é feita de platina e o bisel é cravejado com 48 safiras azuis, que completam 3,22 quilates. Há também safiras na coroa e encaixes. A lateral da caixa conta com inserções em madrepérola. A onda Kanagawa também é representada no verso da caixa, em uma combinação de gravação e laca. Leia detalhes sobre a peça clicando aqui.

RLS1603-05_GBCC999_a-570x456

TAG Heuer Carrera Heuer-02T, um modelo cronógrafo com turbilhão, corda automática e certificação COSC. Tudo isso será entregue a uma faixa de preço que não ultrapassará os 15 mil Francos Suíços. O novo calibre, chamado Heuer-02T se baseia no clássico movimento CH-80 da companhia. Ele reinterpreta a função cronógrafo e ainda traz consigo um turbilhão visível, em uma operação a 28.800 vph. A marca afirma que o turbilhão é montado por quatro relojoeiros. A peça é elaborada em titânio e carbono, com muitas partes produzidas pela própria companhia. Ao redor do movimento, uma caixa de 45 mm de diâmetro elaborada em titânio grau 5 o protege a até 100 metros sob a água. Leia mais sobre a peça aqui.

TAG_Heuer_Carrera_Heuer-02T_angle_1000-570x854

O novo Ulysse Nardin Grand Deck Marine Tourbillon foi um dos modelos mais comentados nos corredores da Baselworld. Trata-se, basicamente, de um veleiro para o pulso. O mostrador miniaturiza elementos do deck de um clássico iate de corrida, que inclui um deck de madeira, molinete, fios e a retranca (verga perpendicular ao mastro, que suporta a vela principal). O dial é elaborado em uma coloração que lembra madeira, com um design curvo. O ponteiro de minutos azulado representa a retranca e realiza indicação retrógrada. Ele parte da posição de 12 horas e oscila sobre uma escala que vai das 3 às 9 horas. Ele é movimentado por dois fortes filamentos de alta tecnologia que passam em volta de dois pinhões desenhados para se parecerem e ter a função de molinetes. O mecanismo é ligado a um turbilhão voador, do calibre de corda manual UN-630, elaborado por 469 componentes, com operação a uma frequência de 3 Hz, que oferece 48 horas de reserva de energia, proporcionada por dois barriletes de energia: um para as horas e outra para as complicações do relógio. Leia mais sobre este modelo aqui.

EN_EN_Grand-Deck-Marine-Tourbilon_Photos-Grand-Deck_JPEG_Grand-Deck_1-copie-570x713

Zenith Academy Tourbillon Georges Favre-Jacot, que recebeu este nome para homenagear o fundador da relojoaria, é o primeiro relógio que une um sistema de transmissão por correntes e um turbilhão. O movimento El Primero calibre 4805, que equipa esta peça, está completamente visível através do cristal de safira frontal do relógio. Ele possui uma placa principal revestida em cinza antracite e pontes que cooperam com o visual escuro. O turbilhão, visível às 6 horas, é ligado ao sistema de corrente na posição entre 10 e 10:30. Já o sistema de corrente é ligado ao barrilete de energia para garantir uma força constante. Os ponteiros de horas e minutos, assim como os indicadores de horas, possuem detalhes em preto. São 50 horas de reserva de energia, apresentada na posição entre 4 e 5 horas. A caixa elaborada em cerâmica tem 45 mm de diâmetro. O relógio é limitado a 150 unidades.

Zenith_Academy_Tourbillon_GFJ_1000-570x814

 
 

Tags: Angelus U30 Tourbillon RattrapanteArmin Strom Tourbillon Skeleton EarthBovet Récital 18Breguet Tradition Minute Repeater Tourbi...Cartier Rotonde de Cartier Astromystéri...Girard-Perregaux La Esmeralda TourbillonHarry Winston Histoire de Tourbillon 7Jaeger-LeCoultre Reverso Tribute Gyrotou...Seiko Credor Fugaki Tourbillon Limited E...TAG Heuer Carrera Heuer-02TUlysse Nardin Grand Deck Marine Tourbill...

Compartilhar artigo:
 
 

Relógios relacionados


Armin Strom
Manual Fire

Harry Winston
Ocean Sport Automatic

TAG Heuer
Link Quartz-Watch

Girard-Perregaux
Girard-Perregaux 1966 Chronogr...

Breguet
Classique Grande Complication

Zenith
The Originals

Jaeger-LeCoultre
Master Compressor Chronograph...

Ulysse Nardin
Black Sea Chronograph

 
 

Newsletter

Cadastre-se aqui e receba uma vez por semana gratuitamente a newsletter do WatchTime Brasil com as melhores notícias, avaliações, recursos e atualizações sobre relógios diretamente da equipe WatchTime Brasil.

Siga o WatchTime Brasil

Assinar via Feed RSS Seguir no Instagram Seguir no Pinterest Seguir no Google Plus Participar do nosso grupo no LinkedIn Seguir no YouTube

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Deixe um comentário pelo Facebook

Comentário(s) no Facebook